09.02.2019 | 13h00

Maia, o embaixador dos Estados

Rodrigo Maia percebeu algo de que já tratamos aqui no BR18: os Estados podem ser os grandes impulsionadores da reforma da Previdência, graças à necessidade que têm de também equacionar sua situação fiscal. De olho nisso, o presidente da Câmara saiu em campo se dispondo a negociar os interesses dos Estados mediante o apoio à proposta. Reportagem do Estadão sobre a movimentação de Maia mostra que uma das iniciativas que ele negocia é a elevação de R$ 3 bilhões para R$ 8 bilhões da transferência de recursos da União em 2019 como ressarcimento da lei Kandir.

Na Coluna do Estadão a atuação do presidente da Câmara também é objeto de análise. Ao concentrar as demandas dos governadores, Maia previne que se parta para uma negociação no varejo, na base do “quem dá mais”. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO