25.04.2018 | 09h31

Maia morno

O pré-candidato à Presidência Rodrigo Maia falou à Rádio Eldorado que considera sua posição mais próxima de Aldo Rebelo e Henrique Meirelles, que “transitam nos dois campos”, do que de Michel Temer ou Geraldo Alckmin. Maia justifica que se distancia de radicalismos e da polarização dos últimos anos no País.

Sobre a possível candidatura de Temer, também preferiu se manter no meio do caminho: disse que é legítimo que o presidente queira disputar a eleição ou que algum candidato defenda seu legado. No entanto, alfinetou: “O governo quer um candidato para defender o passado, e o Brasil quer uma candidatura para criar o futuro”.


Mais conteúdo sobre:

Rodrigo MaiaMichel Temer
VOLTAR PARA O ESTADÃO