29.05.2018 | 11h34

Maia chama Guardia de ‘irresponsável’

Crispado com o Executivo, Rodrigo Maia eleva sua munição contra o governo federal. Nesta manhã, o presidente da Câmara chamou o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, de “irresponsável” quando este falou da possibilidade de aumento de impostos.

“Não vai ter aumento de imposto porque isso aqui é uma democracia e ele (Guardia) não manda no Congresso Nacional. Aliás, o que ele fez ontem foi muito irresponsável, num momento de crise em que está se tentando debelar, diminuir a mobilização, tentar colocar o Brasil no eixo novamente.”

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO