30.09.2018 | 08h19

Luta pela sobrevivência

Jair Bolsonaro e Fernando Haddad lideram as pesquisas também por força da fraqueza dos adversários. O jogo virou a favor do PT enquanto o PSDB era “atropelado pela divisão do centro”, escreve Eliane Cantanhêde no Estadão neste domingo, 30. Hoje a luta entre tucanos é pela “sobrevivência do partido”.

“Depois de se dividirem e darem a vitória a Lula ou a Bolsonaro, os líderes de centro vão ter de se reinventar. E o Centrão? Estará onde sempre esteve: no poder, ganhe quem ganhar”, conclui a colunista.


Mais conteúdo sobre:

PTPSDBeleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO