15.08.2018 | 19h24

Lula ignora adversários e ataca Moro

Em carta enviada por Lula para ser lida pelo seu vice, Fernando Haddad, no ato de seu registro de candidatura, o petista preferiu atacar o juiz Sérgio Moro do que seus adversários na campanha. Preso em Curitiba por ordem do magistrado, Lula desafiou Moro. “Ele tinha até hoje para apresentar uma prova contra mim. Não apresentou nenhuma. Por isso sou candidato à Presidência da República”, disse Lula por meio de seu “vice marionete”.

“Há um ano, um mês e três dias, Sérgio Moro usou do seu cargo de juiz para cometer um ato político: ele me condenou pela prática de ‘atos indeterminados’ para tentar me tirar da eleição. Usou de uma ‘fake news’ sobre um apartamento no Guarujá”, afirmou. “Enquanto eu estiver preso, cada um de vocês será a minha perna e a minha voz. Vamos retomar a esperança, a soberania e a alegria desse nosso grande país”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO