02.03.2019 | 13h38

Lula fala com Gilmar Mendes durante funeral do neto

O ex-presidente Lula, que cumpre pena de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em Curitiba, passou duas horas no funeral do neto Arthur, que morreu aos 7 anos em virtude de uma meningite meningocócica. Ele deixou o cemitério do Parque da Colina, em São Bernardo, pouco antes das 13h. Lula falou por telefone com o ministro Gilmar Mendes, do STF, que telefonou para o celular do ex-chefe de gabinete do petista, Gilberto Carvalho.

Lula foi levado num carro preto descaracterizado, cercado por forte escolta. Foi montado um cordão de isolamento e foi feita uma revista prévia na sala onde ocorreu o velório. O petista acenou para apoiadores e ouviu gritos de “Lula livre”de um grupo pequeno que o esperava em frente ao cemitério.


VOLTAR PARA O ESTADÃO