13.11.2018 | 06h44

‘Limpa’ nos bancos públicos

A equipe de transição do futuro governo deve receber a lista de indicações políticas de bancos públicos, estatais e na administração direta. Segundo reportagem do Estadão, grupos de funcionários estariam se voluntariando para apontar o “aparelhamento” na máquina para que a equipe de Jair Bolsonaro possa promover uma “limpa” nos indicados por PT e MDB.

Um dos alvos do pente-fino será o Banco do Brasil, onde há apadrinhados de políticos que ocupam cargos com salário de até R$ 61,5 mil.


VOLTAR PARA O ESTADÃO