11.10.2018 | 19h38

Le Pen: ‘Não vejo Bolsonaro como extrema direita’

Ao ser questionada em entrevista ao canal France 2 nesta quinta-feira, se desejava a vitória de Jair Bolsonaro nas eleições brasileiras, a líder da extrema direita francesa, Marine Le Pen, disse em tom evasivo que a decisão cabe ao povo brasileiro e que ela respeitava a soberania dos povos. Segundo Le Pen, o sucesso de JB no 1º turno se deve às suas posições contra a corrupção e em defesa do endurecimento da luta contra a criminalidade.”É uma criminalidade endêmica que atinge a liberdade dos brasileiros”, afirmou.

Em resposta a outra pergunta, sobre os excessos verbais de Bolsonaro, Le Pen declarou: “Não vejo o senhor Bolsonaro como um candidato de extrema direita. Ele propõe coisas extremamente desagradáveis que seriam inaplicáveis na França. São culturas diferentes”. Ela afirmou aindam que, na França, “se um candidato fala coisas desagradáveis, ele é catalogado como extrema direita”. / J.F.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO