10.11.2018 | 13h39

Lá vem o efeito cascata

Os novos governadores já temem o impacto que o aumento aprovado pelo Senado para os ministros do STF possa provocar nas suas contas. O reajuste de 16% pode provocar um efeito cascata em cima do teto de pagamentos permitido aos servidores públicos, atingindo todo o País.

Em Minas, a equipe do governador eleito Romeu Zema teme pelo pior. O vereador Mateus Simões, que coordena a transição chamou de “irresponsável”, o aumento concedido pelo Senado. “O Senado continua demonstrando que não tem qualquer respeito por quem produz e trabalha. Espero que aqui, em Minas, os Poderes lembrem da situação caótica das finanças públicas e não promovam os aumentos em cascata”, postou Mateus, hoje, na sua conta do Twitter. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

aumento do Supremo
VOLTAR PARA O ESTADÃO