25.10.2018 | 08h52

Justiça bloqueia R$ 27 mi de Richa

A Justiça do Paraná determinou o bloqueio de R$ 27 milhões do ex-governador Beto Richa (PSDB) no âmbito da Operação Quadro Negro, que investiga desvios de recursos de obras de escolas públicas. A defesa de Richa disse que ele só irá se manifestar no processo, informou o Estadão.

Além de Richa, outros 12 são alvo da cautelar, em valores que foram discriminados pela Promotoria, entre eles o deputado federal e ex-chefe da Casa Civil de Richa, Valdir Rossini (PSDB), e o deputado estadual Paulo Miró (DEM).


VOLTAR PARA O ESTADÃO