23.10.2018 | 17h36

Juristas minimizam fala de filho de Bolsonaro

Enquanto integrantes do STF e políticos vêm a público para criticar o deputado Eduardo Bolsonaro, pelo vídeo em que atacou a Corte durante uma palestra em julho, dois juristas de peso minimizaram o episódio em entrevista à coluna Direto da Fonte, do Estadão, nesta terça-feira, 23.

Para o advogado Carlos Ari Sundfeld, da FGV,  “a Justiça deve responder às duvidas quanto à sua capacidade de manter o equilíbrio simplesmente fazendo o seu trabalho”. Na visão do ex-STF Carlos Veloso a importância dada à fala do parlamentar “mostra uma enorme falta de sintonia. Coisas irrelevantes passam por relevantes”. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO