23.11.2018 | 10h53

Jefferson quer CPI do Mais Médicos

O presidente nacional do PT, Roberto Jefferson, defendeu hoje a abertura de uma CPI para investigar como foi fechado o acordo entre o governo de Dilma Rousseff e Cuba em torno do programa Mais Médicos. Jefferson acredita que houve uma “negociação secreta” para encobrir possíveis irregularidades do Congresso.

“Merece uma CPI esse caso revelado agora da negociação secreta para o acerto do programa Mais Médicos entre o governo do PT e a ditadura cubana. Foi tudo feito por debaixo dos panos e de forma a enganar o Congresso. Só podia mesmo ser coisa do PT e da ditadura comunista. Se Cuba acertou com o governo brasileiro receber a grana do Mais Médicos para poder pagar o “empréstimo” do BNDES, isso significa que só os cubanos tinham vantagem em tudo, e o Brasil era o único a pagar a conta. Típico acerto entre compadres comunistas (Cuba e o PT)”, afirmou Jefferson. /M.M.

 


Mais conteúdo sobre:

cuba Mais Médicos Roberto Jefferson
VOLTAR PARA O ESTADÃO