11.10.2018 | 15h16

‘Jamais subiria num palanque do PSDB’

O Major Olímpio, senador eleito em São Paulo pelo PSL, disse ao BR18 nesta quinta-feira, que “não há incoerência” em declarar voto no atual governador de São Paulo, Márcio França, candidato à reeleição, que é vinculado ao PSB, um partido de esquerda. “Eu não apoio o Márcio França. Vou votar nele por exclusão”, afirmou.  “Liberei o partido para os parlamentares e diretórios apoiarem quem quiserem no Estado. Só manifestei minha posição pessoal.”

Segundo Olímpio, o PSDB também é um partido com viés de esquerda, mas as nomenclaturas partidárias não querem dizer muita coisa no Brasil. “Durante os 24 anos em que o PSDB está no poder em São Paulo, ocorreram mais de cem mortes de policiais no Estado, em média, por ano”, declarou. “Jamais subiria num palanque do PSDB, se não estaria negando todos os mortos que chorei, todas as viúvas que eu abracei. Eu não alimento o meu carrasco.” / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO