11.03.2019 | 07h48

Internação de Bolsonaro custará R$ 400 mil ao Tesouro

A internação de Jair Bolsonaro no hospital Albert Einstein neste ano, para a cirurgia de retirada da bolsa de colostomia, custará R$ 400 mil à Presidência da República. A informação foi publicada em reportagem da Folha neste domingo, horas antes do novo ataque à imprensa deflagrado por sites de apoio ao presidente e replicado por ele mesmo em sua conta no Twitter.

A verba sairá dos recursos reservados para a Presidência em 2019. O custo de R$ 400 mil não inclui os honorários médicos, cujo valor não foi informado pelo hospital. Segundo resposta da Presidência à Folha, os médicos abriram mão de receber pela cirurgia nem pela consulta de revisão para a alta, em 27 de fevereiro.


VOLTAR PARA O ESTADÃO