14.04.2018 | 09h03

Hora de virar o disco

Para o economista André Lahóz Mendonça de Barros, Lula é um dos lados do triângulo formado por Cuba e o chavismo. E acaba, diz o colunista nesta edição da Veja, de viver seu último ato ao ser preso. Logo, a narrativa do golpe também deve ser enterrada.

“Quanto mais tempo perdermos discutindo o ‘golpe’, menos tempo sobrará para falar sobre como reerguer o Brasil”, calcula.


VOLTAR PARA O ESTADÃO