26.11.2018 | 08h49

Haddad: ‘O Trump dos trópicos é neoliberal’

O petista Fernando Haddad, candidato derrotado à Presidência, afirma em entrevista à Folha que Bolsonaro é diferente do presidente americano, Donald Trump, embora classifique ambos como de “extrema-direita”. Entre suas críticas a Bolsonaro, destaca-se o fato de ele ser “neoliberal”, uma espécie de palavrão para os petistas e seus aliados. “A extrema direita dos EUA não tem nada a ver com a brasileira. Trump é tão regressivo quanto Bolsonaro”, diz. “Mas não é, do ponto de vista econômico, neoliberal. E o chamado Trump dos trópicos é neoliberal.”

Haddad afirma que, há dois anos, imaginava que João Doria, governador eleito de São Paulo pelo PSDB, fosse se consolidar como protagonista da direita  no País, mas isso, como se sabe, não aconteceu. “Achava que a elite econômica não abriria mão do verniz que sempre fez parte da história do Brasil. O Doria seria um PSDB bolsonarizado, mas com aparência tucana. Eu apostava nele.” / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO