20.09.2018 | 07h32

Haddad autossuficiente

Diferentemente do que faz nas ruas e na propaganda eleitoral, em que o nome de Lula é martelado em prosa e jingle, Fernando Haddad procurou se mostrar autossuficiente na entrevista ao Jornal da Globo. Disse haver uma “fantasia” quanto à relação de transferência maciça de votos de Lula para ele. Afirmou ser mais “complexo”, uma vez que não há transferência dele para todos os candidatos a governador, por exemplo.

Em outro momento, procurou dizer que Lula não dá a palavra final em todas as questões do PT. Repetiu que não dará indulto a Lula. “É sua palavra final?”, questionou a jornalista Renata LoPrete. “É”, respondeu ele.


VOLTAR PARA O ESTADÃO