03.11.2018 | 16h19

Gustavo Franco: ‘Reformas não serão mudancinhas’

O economista Gustavo Franco, do Partido Novo, ex-presidente do Banco Central,  afirmou que, com a eleição de Jair Bolsonaro e o desembarque de uma nova safra de políticos liberais no Congresso Nacional, o País passará por mudanças profundas. “Antes, as reformas eram ‘mudancinhas’ para ajustar algo sem saber direito para onde o governo estava indo. Agora, a ambição é muito maior porque não precisamos só de reformas, mas de quebra de paradigmas”, disse Franco, segundo o UOL.

Ele afirmou a nova composição do Congresso em 2019 finalmente dará voz aos empresários. De acordo com Franco, há 27 milhões de empresários, empreendedores ou trabalhadores por conta própria no País e ninguém falava em nome deles, “que criam emprego”. “Os trabalhadores tinham um partido, mas os mas os empresários, não.” / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO