28.05.2018 | 13h58

Grupo de WhatsApp comanda a greve

Diante da permanência das paralisações de caminhoneiros a despeito de todas as muitas concessões feitas pelo governo o País começa a perguntar: quem comanda esse movimento e qual a real pauta?

O termômetro para decidir se o abastecimento de insumos vitais para a economia e a vida nacionais será retomado passou a ser, pasmem, o heterogêneo e heterodoxo grupo de WhatsApp dos caminhoneiros. E teve político que surfou nessa onda e ajudou a criar esse monstrengo. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO