18.10.2018 | 07h32

Golden share para facilitar privatizações

A equipe de Paulo Guedes deve lançar mão do recurso às “golden shares“, um tipo de ação que dá ao governo prerrogativas especiais em empresas privatizadas, para facilitar o programa de desestatização e vencer resistências internas do núcleo duro de Jair Bolsonaro à venda de empresas, informa a Folha.

Esse tipo de ação foi empregado no programa de venda de estatais do governo Fernando Henrique Cardoso, em empresas como Vale e Embraer. Permite que o Estado, mesmo minoritário, tenha direito a veto em decisões estratégicas das empresas (como mudança de controle acionário) depois de privatizadas.


VOLTAR PARA O ESTADÃO