10.09.2018 | 09h04

Gleisi reclama de censura

A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, reclamou das decisões tomadas pelo TSE, que proíbem o partido de continuar fazendo campanha para Lula no horário de propaganda eleitoral. Lula teve o registro de sua candidatura barrado pelo TSE, mas a senadora chamou de “censura” a decisão tomada pela corte.

“Inacreditável a censura sofrida por nossa campanha. Depois de nos proibirem de falar “vamos trazer o Brasil de Lula de novo” e “somos todos Lula”, agora proíbem “estamos com Lula” e “vamos com Lula”. O espírito autoritário e antidemocrático desse Judiciário é assustador”, reclamou. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

Lula inelegívelTSEGleisi Hoffmann
VOLTAR PARA O ESTADÃO