23.02.2019 | 17h00

Gleisi não muda de ideia sobre Maduro

A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, enfim se manifestou sobre a crise venezuelana criada após o fechamento da fronteira com o Brasil. A petista, que esteve “prestigiando” posse de Nicolás Maduro no mês passado, trouxe de volta um antigo vídeo seu publicado em janeiro, onde defende a “legitimidade” do governo Maduro e apela para a velha carta do “imperialismo americano”.


“Dias tristes nos esperam na América Latina com essa intervenção fantasiada de ajuda na Venezuela. Sofreremos por essa posição do Brasil de se submeter aos interesses dos EUA”, disse a petista. Ou seja, nem o fechamento da fronteira, nem a recusa de receber ajuda humanitária, nem mesmo a morte de indígenas em confronto com as forças armadas da Venezuela fizeram Gleisi mudar de ideia.

Mais conteúdo sobre:

Gleisi Hoffmannnicolas maduro
VOLTAR PARA O ESTADÃO