05.04.2018 | 11h49

Gilmar e o ‘parlamento árabe’

Em crítica ao resultado do julgamento do HC do ex-presidente Lula, em que foi voto vencido, o ministro Gilmar Mendes afirmou que o Supremo julgou o recurso, mas não resolveu o problema. “Por quê? Porque nós não decidimos a matéria”, afirmou ele, em Portugal, em relação a ações que questionam cumprimento de pena pendentes no tribunal.

“Nos reunimos, nos reunimos, nos reunimos e estamos parecendo um parlamento árabe”, disse ele, informa a repórter Célia Froufe, do Broadcast Político.


Mais conteúdo sobre:

gilmar mendesLula
VOLTAR PARA O ESTADÃO