12.04.2018 | 14h43

Gilmar ‘desbordou o equilíbrio’, diz Lava Jato

A força-tarefa da Lava Jato em Curitiba divulgou nota nesta quinta-feira, 12, em resposta às manifestações de Gilmar Mendes no Supremo Tribunal Federal na quinta, 11. O ministro afirmou que “a corrupção chegou ao Ministério Público Federal” e acusou o procurador da República Diogo Castor de Mattos e o ex-procurador Marcelo Miller.

“A fala do ministro Gilmar Mendes desbordou o equilíbrio e responsabilidade exigidos pelo seu cargo”, afirmam os procuradores da força-tarefa, como mostra o Blog do Fausto. Eles destacam que Gilmar “lançou contra o procurador da República Diogo Castor de Mattos notícias antigas e falsas”.


Mais conteúdo sobre:

gilmar mendesLava Jato
VOLTAR PARA O ESTADÃO