18.07.2018 | 11h57

‘Geringonça’ da esquerda

Em um movimento apelidado de ‘geringonça’, a esquerda portuguesa conseguiu se unir e voltar ao poder, avaliou o sociólogo Boaventura Sousa Santos. Fernanda Mena questiona, em sua coluna na Folha, por que esse movimento não parece inspirar a esquerda brasileira.

“Carismático e personalista, Lula talvez fosse capaz de compor a geringonça brasileira, mas parece preocupado demais com a própria biografia para articular um movimento do qual pode não ser protagonista ou para apontar um sucessor com tempo de se fazer conhecer pelos lulistas.”


VOLTAR PARA O ESTADÃO