26.05.2018 | 08h08

General minimiza risco de confronto

O ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, minimizou o risco de um confronto entre as Forças Armadas, que foram autorizadas pelo STF a desinterditar as estradas, e os caminhoneiros grevistas.

Ele também negou que haja problemas de abastecimento que impeçam a ação das Forças Armadas. “As Forças Armadas têm meios, por conta própria, para serem empregados por um período de pelo menos 30 a 45 dias. “É um período de reserva para atuação, inclusive combustível”, afirmou, segundo o Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO