23.10.2018 | 18h05

Generais ‘desrespeitados’ com fala de Haddad

Oficiais generais presentes à cerimônia do Dia do Aviador, realizada na Base Aérea de Brasília nesta terça-feira, consideraram-se “ofendidos” e “desrespeitados” com declarações do petista Fernando Haddad no programa Roda Viva, na segunda-feira, 22. Na ocasião, Haddad disse que “a Venezuela tem condições bélicas superiores às do Brasil” e que “para o Brasil declarar guerra (à Venezuela) ou pede ajuda a um império internacional, provavelmente os americanos, ou vamos mandar jovens brasileiros pobres morrer em um conflito que não é o nosso”.

Os militares, que preferiram falar na condição de anonimato, disseram ao Estadão que Haddad “não conhece nada das nossas Forças Armadas” e está “menosprezando” a formação dos militares brasileiros. Criticaram ainda a forma que o petista lida com uma questão delicada ao citar de forma irresponsável sobre declarar guerra ao país vizinho com apoio dos Estados Unidos. / J.F.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO