23.05.2018 | 06h13

Funai na mira do TCU

O TCU (Tribunal de Contas da União) apura suspeitas de favorecimento a uma empresa do setor de tecnologia na Funai (Fundação Nacional do Índio).

Reportagem do Estadão relata que o ex-coordenador de tecnologia da fundação Bruno Rebelo gravou e encaminhou ao órgão de controle várias conversas de setembro e outubro de 2017 em que o diretor de administração, Francisco José Nunes Ferreira, lhe pede para direcionar compras para determinada empresa. Nos áudios, ele associa os pedidos ao ministro Eliseu Padilha (Casa Civil) e ao senador Romero Jucá (RR), presidente do MDB.


VOLTAR PARA O ESTADÃO