17.10.2018 | 11h03

‘França me convidou por ser meio de direita’

Identificada com o liberalismo “e com tendência à direita”, a coronel da Polícia Militar Eliane Nikoluk (PR), candidata a vice na chapa de Márcio França (PSB) disse, em conversa com o Estadão, que, antes de aceitar o convite de França, ouviu dele a promessa que uma aliança com o PT estaria descartada.

“Eu não conhecia o Márcio França e só tinha contato protocolar. Quando vi que ele era do PSB, isso me causou um certo desconforto, porque é um partido de centro-esquerda. Sempre me considerei mais liberal e com tendência à direita.”


VOLTAR PARA O ESTADÃO