24.08.2018 | 22h45

França e Doria sinalizam reconciliação pós-eleição

João Doria e Márcio França sinalizaram que as desavenças entre os dois termina junto da eleição. Questionado sobre o “apoio informal” do PSB ao PT e a proximidade com o candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, França disse que “não vai fazer disso uma guerra que vai ficar inimigo para sempre”. “O governador Alckmin é o mais preparado e por isso eu o apoio”. João Doria concordou com tudo: “Essa coisa de política, rusgas, debates, depois isso passa”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO