27.09.2018 | 06h29

‘Fogo amigo’ se alastra

O “fogo amigo” se alastra pela campanha de Geraldo Alckmin e o comando tenta conter as críticas públicas e deserções nos dez últimos dias antes do pleito. As críticas públicas feitas pelo deputado e candidato ao Senado Bruno Araújo foram criticadas por dirigentes de partidos aliados, que consideram que fica difícil segurar suas tropas quando a sabotagem vem do próprio PSDB, mostra reportagem do Estadão sobre a crise no quartel-general de Alckmin.


VOLTAR PARA O ESTADÃO