04.11.2018 | 08h42

FHC: ‘Onda conservadora não será boa’

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirma, em artigo publicado no Estadão neste domingo, 4, que, com a eleição de Bolsonaro e a “hecatombe” que se abateu sobre o sistema partidário, o melhor é manter a “paciência histórica”. “A principal lição talvez possa ser resumida em antigo ditado popular: ‘Não há mal que sempre dure nem bem que nunca acabe'”, afirma.

Fernando Henrique não se mostra otimista com as perspectivas do País no governo Bolsonaro. “O que alguns qualificam como ‘bem’ para outros pode ser o ‘mal'”, diz. “A despeito de opiniões distintas, penso que a onda conservadora que se prenuncia não será boa, como não seria a da arrogância petista, que está na raiz do atual estado de coisas, com a polarização do ‘nós’ contra ‘eles’.” / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO