05.02.2019 | 19h12

‘Fermento ruim pode estragar a massa toda’

Marina Silva viu qualidades no pacote anticrime proposto pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro. Mas não concorda com a proposta que abre a possibilidade de o policial ficar isento de punição ao matar em serviço, se for comprovado que não havia alternativa. Ela teme que a polêmica em torno desse ponto acabe atrapalhando a aprovação do pacote que possui pontos importantes na sua visão.

“O pacote anticrime apresentado pelo ministro Moro endereça pontos importantes, outros controversos. A isenção de pena para policial ao matar em serviço é fermento ruim e pode estragar a massa toda. Que isso possa ser revisto e o Congresso não desfigure o que ajuda combater a corrupção”, diz a ex-senadora. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

Marina Silva Moro pacote anticrime
VOLTAR PARA O ESTADÃO