07.10.2018 | 13h04

Família Bolsonaro incita crime eleitoral

Os filhos de Jair Bolsonaro usam as redes sociais para incitar e divulgar a prática de crimes eleitorais. Em seu perfil no Twitter, Eduardo Bolsonaro, candidato a deputado federal por São Paulo, pede que eleitores fotografem ou filmem a urna eletrônica e mandem para ele, o que é vedado pela lei eleitoral. “Prezados, em caso de problemas com as urnas, filmem, de preferência gravem lives e falem o estado, zona e seção onde está ocorrendo o problema”, escreveu.


Flavio Bolsonaro, candidato ao Senado pelo Rio, divulgou vídeo no Twitter em que um eleitor filma a urna eletrônica alternadamente entre o visor e o teclado para apontar fraude. Mais tarde, o retirou do ar:

 

 

VOLTAR PARA O ESTADÃO