22.05.2018 | 11h37

Fake news em segundo plano

O Conselho Consultivo sobre Internet e Eleições não se reúne há mais de dois meses, revela reportagem do Estadão. Criado pelo TSE sob a gestão de Gilmar Mendes, o colegiado tem como objetivo discutir estratégias de combate à disseminação de notícias falsas, e integrantes estão preocupados com a falta de avanço, principalmente com Copa do Mundo e férias de julho a caminho.


Mais conteúdo sobre:

fake news
VOLTAR PARA O ESTADÃO