16.07.2018 | 12h22

Ministros de Dilma tentam evitar punições

Aloizio Mercadante, José Eduardo Cardozo, Antonio Palocci, Fernando Haddad e Nelson Barbosa são alguns dos ministros do governo de Dilma Rousseff que ainda tentam evitar uma série de punições por supostas irregularidades durante a gestão da ex-presidente, informa o Valor.

Alguns deles chegaram a ir pessoalmente ao Tribunal de Contas da União para evitar pagamento de multas, bens bloqueados e mesmo a proibição de trabalhar na gestão pública por até oito anos.


VOLTAR PARA O ESTADÃO