05.09.2018 | 09h10

Ex-ministros conseguem remover vídeo

Os ex-ministros Mendonça Filho e Bruno Araújo conseguiram uma vitória no TRE-PE. A Corte eleitoral decidiu pela remoção de um vídeo que circula no Facebook que mostra os dois votando favoravelmente ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. A defesa dos dois alegou que os políticos”não atacam a veracidade da propaganda em si, mas o seu impulsionamento e o reflexo negativo que a mesma trouxe” às suas campanhas. A propaganda estava ligada a candidatura ao Senado de Humberto Costa (PT).

Já o desembargador do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), Stênio José de Sousa Neiva Coêlho disse na sentença que “segundo a legislação vigente, o impulsionamento de conteúdo de propaganda eleitoral na internet só pode ter o fim de promover ou beneficiar candidatos ou suas agremiações, ou seja, não compreende ataques a candidatos adversários ou a seus posicionamentos político-partidários”, informa o Estadão.


Mais conteúdo sobre:

Mendonça FilhoBruno Araújo
VOLTAR PARA O ESTADÃO