26.09.2018 | 08h46

Eunício sobre delator: ‘Falso testemunho’

Após ter vazado a delação do ex-superintendente regional da Galvão Engenharia, Jorge Henrique Marques Valença, Eunício Oliveira respondeu a acusação de que teria recebido ao menos R$ 1 milhão em propina em troca da liberação de recursos para obras contra a seca. Ele diz que “processará criminalmente acusadores que levantam falsos testemunhos contra ele em seus relatos”

Segundo reportagem de O Globo, Valença detalhou em delação  um esquema de propinas no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs). Segundo o relato, ele foi informado que os valores seriam divididos entre Eunício, ex-deputado Henrique Alves e o ex-ministro Geddel Vieira Lima (posteriormente sucedido por Fernando Bezerra Coelho).Henrique Alves e Bezerra Coelho também negaram a veracidade da delação.


VOLTAR PARA O ESTADÃO