12.10.2018 | 15h16

‘Esquerdista’ x ‘sem palavra’

A propaganda eleitoral de São Paulo voltou ao ar se assemelhando em tudo ao programa Casos de Família, de barracos familiares. No horário do PSDB, João Doria Jr. apresenta Marcio França como um “esquerdista” e lança uma novíssima justificativa para sua renúncia à Prefeitura: teria decidido disputar o governo para evitar que São Paulo caísse nas mãos da esquerda.

Já o governador do PSB chama o rival de “sem palavra”. “São Paulo não aceita quem mente, quem não cumpre seus compromissos e trai os amigos por conveniência e coloca suas ambições acima de tudo”, diz França.


VOLTAR PARA O ESTADÃO