21.08.2018 | 13h04

Equilíbrio na disputa pelo Senado no Rio

Semelhante ao cenário da disputa pelo governo do Rio, onde há um empate técnico triplo entre Romário (Pode), Eduardo Paes (DEM) e Anthony Garotinho (PRP), a briga pelas duas vagas para o Senado segue indefinida no Estado. Flávio Bolsonaro (PSL), filho de Jair Bolsonaro, tem 15%, contra 13% de Cesar Maia (DEM) e de Lindbergh Faria (PT). Chico Alencar (PSOL), tem 11%. Como a pesquisa tem margem de erro de 3 pontos porcentuais para cima ou para baixo, os quatro estão em empate técnico.

A pesquisa ouviu 1.204 eleitores, entre 17 e 20 de agosto. Seu registro no TSE é BR‐00596/2018. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

eleições no Rio de Janeiro
VOLTAR PARA O ESTADÃO