08.03.2019 | 13h48

Empresas da Bovespa carecem de conselheiras

Segundo levantamento feito pela ONG mexicana Poder com dados de 15 países, 58% das empresas que operam na Bolsa de Valores de São Paulo não têm mulheres em seus conselhos de administração, informa o El País.

Segundo a publicação, há 2.487 conselheiros homens contra 308 conselheiras nas empresas inscritas na Comissão de Valores Mobiliários. “Elas precisam de mais tutoria e investimento em formação, mas, ao mesmo tempo, as empresas também precisam entender que a diversidade na cúpula é rentável”, disse empresária Betania Tenure, de 57 anos, conselheira da MRV e da Magazine Luiza.

 


Mais conteúdo sobre:

mulheresbovespaconselhos
VOLTAR PARA O ESTADÃO