13.04.2018 | 06h33

Em sigilo, Alckmin depôs sobre cunhado

Geraldo Alckmin chegou a prestar um depoimento por escrito ao STJ no inquérito que investiga se houve repasse de recursos de caixa dois da Odebrecht para ele por intermédio de seu cunhado Adhemar Cesar Ribeiro, revela a Folha. O inquérito corria em sigilo, e o teor do depoimento não é conhecido.

A decisão de enviar o caso à Justiça Eleitoral, tirando-o do âmbito da Lava Jato, causou grande controvérsia.

 

 

Mais conteúdo sobre:

Geraldo AlckminLava Jatocunhado
VOLTAR PARA O ESTADÃO