28.07.2018 | 16h00

Eleitor quer experiência, não ‘outsider’

Do fim do ano passado para cá, os eleitores parecem ter mudado de ideia sobre candidatos ‘outsiders’. Pesquisa do Ipsos divulgada pelo Estadão mostra que a preferência por “alguém que é político há muitos anos” subiu de 39% em dezembro de 2017 para 50% em julho de 2018, enquanto as opções por “um nome novo na política” caíram de 52% para 44%.

Aumentou também a importância de um presidente “experiente” face a um “íntegro e ético”. Danilo Cersosimo, diretor do Ipsos, avalia que o eleitor está “decepcionado” com o novo, uma opção que muito prometeu, mas não se concretizou.


Mais conteúdo sobre:

outsiders
VOLTAR PARA O ESTADÃO