03.09.2018 | 12h43

Eficácia da Câmara em baixa

Levantamento da Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro aponta que 81% das propostas da atual legislatura da Câmara não foram votadas, informa o Estadão.

Se a produtividade dos deputados federais fosse medida apenas pela quantidade de propostas analisadas em plenário, a atual legislatura estaria entre as menos eficazes desde a redemocratização do País.


Mais conteúdo sobre:

Câmara dos Deputados
VOLTAR PARA O ESTADÃO