13.03.2019 | 07h29

Eduardo avisa que serão quatro anos com Olavo palpitando

Eduardo Bolsonaro, um dos filhos do presidente Jair Bolsonaro mais ligados a Olavo de Carvalho, saiu em defesa do “guru” após a confusão no MEC gerada pelos tuítes disparados da Virgínia. Para Eduardo, Olavo está “no papel dele de crítico”. “A outra opção que ele tem seria ficar quieto e olhar coisas que ele não concorda acontecendo. Certamente, ele, como brasileiro, não vai fazer isso. Gente, serão quatro anos assim. Eu não vejo como crise, vejo como saudável”, disse, reconhecendo que a palavra do ideólogo tem “um peso diferenciado por conta da história”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO