29.05.2018 | 12h27

‘É inimaginável tirar Parente agora’

O ex-ministro da Fazenda Pedro Malan disse nesta terça-feira, 29, que é “inimaginável” tirar Pedro Parente da presidência da Petrobrás agora. “A não ser que alguém tenha um nome muito melhor, o que acho muito difícil”, afirmou durante entrevista no Fórum Estadão A Reconstrução do Brasil.

Ele, que trabalhou com Parente no governo FHC, disse que ele realizou um “trabalho extraordinário” na recuperação da Petrobrás, que, a seu juízo, sofreu um processo de “pilhagem” nos governos anteriores (ele não cita nominalmente o PT ou Lula e Dilma Rousseff). / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO