13.04.2018 | 15h22

Doria vira réu por PPP da iluminação

João Doria Jr. virou réu. Um dia depois de ir a uma rádio e dizer que, ao contrário do governador Márcio França, não respondia a processos, ele virou réu numa ação popular que pede a suspensão da Parceria Público-Privada (PPP) para a troca da iluminação da cidade.

Segundo o Jota, ele foi tornado réu pelo juiz Alberto Muñoz na ação popular que questiona a PPP por suspeita de que houve pagamentos ilícitos a Denise Abreu, ex-diretora do Departamento de Iluminação da Prefeitura de São Paulo pelo consórcio FM Rodrigues/CLD, que venceu a licitação.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO