12.10.2018 | 19h44

Doria: ‘Vim reafirmar meu apoio’

João Doria Jr. disse nesta sexta-feira ao BR18 que não levou um “chá de cadeira” de Jair Bolsonaro. Afirmou que o candidato do partido se sentiu mal e, por recomendação médica, não pôde sair de casa. “O objetivo da visita não era obter o apoio do PSL, e sim reafirmar meu apoio ao Bolsonaro”, afirmou o tucano.

A deputada federal eleita pelo PSL Joice Hasselmann, que acompanhou Doria na reunião com a cúpula do partido, disse que vai anunciar oficialmente seu apoio a Doria. “Como o partido e o Jair reafirmaram a posição de neutralidade neste momento, vou anunciar o apoio ao Doria, como a deputada mais votada de São Paulo, afirmou. Segundo ela, o economista Paulo Guedes também vai manifestar seu apoio ao tucano. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO