21.03.2018 | 14h01

Doria demite diretora após áudio sobre propina

A diretora do Departamento de Iluminação Pública (Ilume) da Prefeitura de São Paulo, Denise Abreu, foi exonerada nesta quarta-feira, 21, informa o Blog do Fausto.

A demissão foi motivada pela divulgação de um áudio que revela a diretora mencionando propina e favorecimento da empresa FM Rodrigues, vencedora da PPP da Iluminação que vai custar R$ 6,9 bilhões.


Mais conteúdo sobre:

João Doriaprefeitura
VOLTAR PARA O ESTADÃO