26.03.2018 | 11h01

Doria sai discretamente

Vera Magalhães

João Doria fará a transição para Bruno Covas na Prefeitura de São Paulo após coordenar a última reunião do secretariado, na sexta-feira, dia 6.

A ideia é fazer um balanço de 1 ano e 3 meses de mandato. Ele não fará nenhuma solenidade de despedida. Discrição é a palavra-chave para tentar minimizar o desgaste com a renúncia.


Mais conteúdo sobre:

João Doria
VOLTAR PARA O ESTADÃO